Category: Artigos & Notícias

O que é um Green Building?

Entenda mais sobre o que são os Green Buildings e como viver neles pode melhorar sua qualidade de vida e também o meio ambiente:

O que é um Green Building?

O conceito de um Green Building vem da ideia de criar edifícios que diminuem o impacto ambiental e melhore a qualidade de vida de seus ocupantes. Com o mundo cada vez mais próximo do aquecimento global, a ideia deixou de ser algo para os inovadores e vem se tornando padrão para as próximas gerações com o Brasil sendo o 4º país com mais construções sustentáveis segundo o Green Building Council.

Benefícios de um Green Building

Um Green Building é uma edificação que utiliza seu local, a energia, água e materiais de forma eficiente. Além de pensar nas pessoas, protege a saúde dos ocupantes e também dos próprios trabalhadores em sua construção. Como consequência, proporciona melhorias na produtividade dos funcionários.

Muitas empresas já notam a importância de um ambiente confortável para seus colaboradores, sendo possível render bem mais em um edifício com uma temperatura agradável.

Que tipo de edifício é considerado um Green Building?

Um edifício verde não é sustentável apenas para si mesmo, mas também para a comunidade  a sua volta, por meio da redução da emissão de gases de efeito estufa. Um Green Building se relaciona muito bem com sua cidade e aproveita seus recursos. Ao mesmo tempo, contribui para o seu desenvolvimento.

Boas práticas em sustentabilidade reduzem o desperdício e a poluição. Uma das formas é pela utilização de materiais ambientalmente corretos e com menor impacto no ciclo de vida. Com ingredientes, matéria-prima e práticas de extração comprovadas.

Como os produtos Nanotech podem contribuir

Todos os produtos Nanotech são produzidos a base de água e possuem baixo teor de VOC, que são compostos orgânicos voláteis que possuem alta pressão de vapor e entram na atmosfera.

Já o Nanothermic 1 vai além disso, ele possui redução térmica de até 50%, proporcionando maior conforto em ambientes internos para você e seus colaboradores. Não só isso, o N1 também reflete cerca de 90% dos raios solares, evitando que massas de calor se formem e colaborem para o aquecimento global. A cada 100m² em que o produto é aplicado, você deixa de emitir 10 toneladas de CO².

Assim como o N1, o Nanothermic 3 também gera maior conforto em ambientes internos para seus colaboradores, ao reter o calor de máquinas industriais.

Gostou das dicas? Acesse nosso blog para aprender mais sobre sustentabilidade. Não esqueça de conferir nossas redes sociais para conhecer mais sobre nossa marca e nossa loja para adquirir nossos produtos.

Pandemia e Sustentabilidade

Com a pandemia do Covid-19 muitas coisas mudaram, principalmente a rotina de grande parte das empresas. Nesse momento onde muito é repensado, é importante rever o posicionamento de sua empresa em relação a sustentabilidade para estabelecer como irá seguir nessa nova fase. Confira esse texto e entenda a relação entre a pandemia e sustentabilidade:

A pandemia e o meio ambiente

Assim como em todas outras áreas de nossas vidas, o meio ambiente também foi muito afetado pelas mudanças da pandemia. Uma mudança positiva é que, com muitas empresas fechadas ou com horário de funcionamento reduzido e a diminuição da circulação em veículos de transporte, diminuímos a produção de gases pesados que contribuem para mudanças climáticas. Resultando assim, em um ar mais limpo e desaceleração do efeito estufa.

Porém, assim como tivemos efeitos positivos, também temos efeitos negativos. Como, por exemplo, o aumento da geração de resíduos domiciliares. Passando mais tempo em casa consumimos mais descartáveis e consequentemente produzimos mais lixo.

É importante que esse lixo seja descartado de forma correta. O ideal é sempre que possível separar os recicláveis do orgânico e enviá-los para os lugares certos.

A sustentabilidade na sua empresa

Não apenas a crise na saúde, a pandemia trouxe consigo uma crise financeira e é preciso estabelecer estratégias para retomar a segurança financeira de sua empresa.

Uma abordagem diferente em relação a sustentabilidade pode ser o posicionamento que você precisa para se firmar. Pode assim, estabelecer uma reputação elevada, além de proteger o meio ambiente e economizar em diversas áreas da empresa.

Reduzir o consumo de resíduos ao máximo já é um bom início. Causa menos desperdício, tanto de material quanto financeiro. Também é possível buscar alternativas recicláveis podendo reutilizar os próprios materiais descartados pela empresa para outros fins.

É possível também investir em revestimentos térmicos para emitir menos gases, diminuir a temperatura tanto do ambiente interno quanto do externo e ainda por cima reduzir consideravelmente os gastos energéticos da empresa.

Benefícios de uma empresa sustentável

São inúmeros os benefícios para sua empresa após se posicionar sustentavelmente. Além dos já citados, economia e proteção do meio ambiente, você também evita o risco de passar uma imagem ruim da empresa por associação a más práticas ambientais.

Também minimiza a demanda por recursos, substituindo a aquisição de novas matérias primas pelos materiais que foram reciclados. E além disso expressa o compromisso com o planeta e a sociedade em busca de melhores alternativas.

Com todos estes motivos citados, ficou fácil decidir se deve ou não implementar uma abordagem sustentável em sua empresa, principalmente em tempos de pandemia. Essa decisão pode ser o passo que seu negócio precisava para elevar o nível e conquistar a confiança do público.

Para mais conteúdo relacionado à sustentabilidade, confira nossas redes sociais.

O que são as ilhas de calor

Sobre as Ilhas de Calor

Devido ao crescente grau de urbanização nas grandes cidades, as ilhas de calor aparecem como um fenômeno climático desfavorável. Nesta condição, a temperatura média se apresenta com uma elevação considerável em comparação com regiões rurais ao redor.

Devido a grande concentração de asfalto e concreto, a reduzida quantidade de áreas verdes, o alto índice de poluição e uso de materiais de baixa refletividade, as cidades urbanizadas concentram calor fazendo com que a temperatura média fique acima da média da região.

Efeitos causados pelas ilhas de calor

A presença das ilhas de calor favorecem o fenômeno do aquecimento global. Promovendo as seguintes alterações:

  • Alterações na umidade do ar, do vento e da precipitação (fenômeno relacionado à queda de água do céu, incluindo chuva, neve e chuva de granizo).
  • Alterações da temperatura, pois a construção de prédios cria uma barreira para os ventos não deixando que o calor seja dissipado.
  • Aumento das ondas de calor causado pela substituição da vegetação pelo asfalto e concreto faz com que a radiação solar seja absorvida por estes materiais e convertida em ondas de calor que ficarão armazenadas, em grande parte durante o dia, escapando à noite.

Evitando a formação das ilhas de calor

Por que evitar

As canículas (ondas de calor) provenientes das ilhas de calor provocam o aumento da mortalidade de idosos e doentes com redução da capacidade de termorregulação corpórea e redução de percepção da necessidade de hidratação.

Uma onda de calor muito intensa se abateu em 2003 na Europa. Nos dias de forte calor, mais de 1500 pessoas morreram na França, entre os dias 3 e 14 de outubro de 2003. (Ref.: Abenhaim, 2003)

Medidas que devem ser tomadas

Segue abaixo algumas medidas para evitar a formação de ilhas de calor.

  • Aumento de plantio de árvores nas grandes cidades e criação e preservação de parques e áreas verdes.
  • Controle e redução da emissão de gases poluentes.
  • Uso de materiais de baixa absorção da radiação solar, de alta refletividade.

Ajuda do revestimento térmico

O revestimento térmico Nanothermic 1, atua como tinta térmica e possui base sustentável. Nanothermic 1 é direcionado para o crédito do LEED SS c 7.1 e LEED SS c 7.2, Redução de Ilhas de Calor (Piso Externo e Cobertura).

O intuito dos créditos LEED SS c 7.1 e LEED SS c 7.2 é a redução das ilhas de calor, que é a diferença de temperatura entre áreas urbanizadas e não urbanizadas. Saiba mais sobre as Ilhas de Calor.

Nanothermic 1 reduz o consumo de ar condicionado e gastos com energia. Nanothermic 1 é classificado como Isolante Térmico de Alta Performance de acordo com as normas ASTM C 1549, 1371, 1980. SRI (Índice de Refletância Solar) 99.

Certificação LEED

Sobre o LEED

LEED – Leadership In Energy And Environmental Design (Projetos Ambientais e Liderança em Energia).

LEED é um sistema de classificação para certificação de Edifícios Verdes (Green Building), isto é, edificações que foram projetadas e construídas utilizando estratégias de sustentabilidade na utilização de energia, água, redução de emissões de CO2, melhoria da qualidade ambiental interna e externa , administração de recursos, diminuição do impacto ambiental de produtos e materiais utilizados, entre outros.

logo GBC

O LEED foi desenvolvido pelo US Green Building Council (Conselho de Prédios Verdes dos EUA) e é promovido em território nacional pelo Green Building Council Brasil (GBC Brasil). A prática exigida pela certificação LEED, para que um empreendimento venha a ser considerado um green building, abrange as fases de concepção, construção, operação e manutenção de uma edificação.

Como obter certificação LEED

Para obter a certificação LEED, primeiramente o projeto deve ser registrado junto ao GBC Brasil para indicar se atenderá a todos os pré-requisitos exigidos. A soma de créditos varia de 1-110 (10 pontos são bônus), e correspondem aos seguintes níveis de certificação conforme a pontuação atingida:

  • Certified (40-49 créditos)
  • Silver (50-59 créditos)
  • Gold (60-79 créditos)
  • Platinum (80+ créditos)

Pontuações LEED

As pontuações LEED são divididas nos seguintes grupos:

  • Sustainable Sites – Local sustentável;
  • Water Efficiency – Eficiência no uso da água;
  • Energy & Atmosphere – Eficiência energética e os cuidados com as emissões para a atmosfera;
  • Materials & Resources – Otimização dos materiais e recursos naturais a serem utilizados na construção e operação da edificação;
  • Indoor Environmental Quality – Qualidade dos ambientes internos;
  • Innovation & Design Process – Inovações empregadas no projeto da edificação.

Empreendimentos

As pontuações e pré-requisitos de uma certificação LEED dependem do tipo de empreendimento:

  • “New Construction” (Prédios novos): nesta categoria, considera-se o terreno e a edificação como um todo. Geralmente são prédios utilizados por uma única empresa como universidades, hospitais, corporações, escolas;
  • “Existing Buildings” (Prédios existentes): baseada na performance e melhoria de operação em edificações existentes;
  • “Commercial Interiors” (Interiores de edificações comerciais): realizada somente para os inquilinos de áreas de escritórios em melhorias de instalações existentes ou novas edificações;
  • “Schools”: Escolas;
  • “Core and Shell” (Prédios de múltiplos usuários): realizada para o terreno e para as áreas comuns da edificação, onde o empreendedor não tem responsabilidade sobre o projeto das áreas internas de cada unidade. Geralmente são prédios de uso coletivo para venda ou locação;
  • “Residence” (Residências): Nesta categoria estão inclusos residências uni familiares e prédios multifamiliares de até três pavimentos;
  • “Neighborhood Development” (Desenvolvimento urbano): realizada para a parte urbanística de um condomínio, de um bairro ou de uma quadra residencial ou comercial;
  • “Existing Buildings” (Operations and Maintenance): Operação e manutenção de edifícios já existentes.

Profissionais credenciados (LEED AP)

Trata-se de um profissional que teve seus conhecimentos acerca do processo de certificação LEED® atestado por um exame. Um profissional LEED AP® possui conhecimento sobre as práticas de construção sustentável e os princípios do Sistema de Certificação LEED®, podendo facilitar o processo de certificação atuando como um consultor.

Green Building Council (Conselho de Construções Verdes)

É uma ONG que visa promover o conceito de construção sustentável junto à sociedade, o mercado e a indústria da construção civil, visando à apresentação de boas práticas no intuito de agregar cada vez mais pessoas, profissionais e empresas a adotarem estes conceitos e com isto impulsionarem o mercado a estas mudanças.

Nanothermic 1 e o LEED

Nanotech do Brasil é uma empresa que se engajada em manter um equilíbrio positivo entre o Meio Ambiente e a Humanidade, desenvolve Produtos que geram economia de recursos naturais, durabilidade , inovações e não contribuem para o Aquecimento Global.

Nanothermic 1 é um isolante térmico em formato de tinta que age por refletância. Desenvolvido com nanotecnologia aplicada, possui fórmula não-inflamável e à base de água, e não agride o meio ambiente.

Nanothermic 1 é direcionado para o crédito do LEED SS c 7.1 e LEED SS c 7.2, Redução de Ilhas de Calor (Piso Externo e Cobertura). Possui SRI 99
Ref.: PRI Laboratory – ASTM C 1549 / ASTM C 1371 / ASTM E 1980

O intuito deste créditos do LEED é a redução das ilhas de calor, que é a diferença de temperatura entre áreas urbanizadas e não urbanizadas. Cidades do porte de São Paulo, por exemplo, apresentam temperaturas do ar no centro da ordem de 10 graus Celsius maiores que as encontradas em áreas pouco urbanizadas e muito vegetadas de sua periferia.

Nanothermic 1 é classificado como Isolante Térmico de Alta Performance de acordo com as normas ASTM C 1549, 1371, 1980. SRI 99 (Índice de Refletância Solar).